Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
19/07/16 às 18h01 - Atualizado em 29/10/18 às 15h55

Trabalho inédito busca unificar desenvolvimento econômico e sustentável

Construção civil e Secretaria do Meio Ambiente do DF unidos em prol de melhorias para o planejamento urbano da cidade

 

Yasmin Almeida, da Ascom Sinduscon-DF

 

Brasília (19/07/2016) – Sustentabilidade econômica e equidade social. Esta é a proposta do Zoneamento Ecológico-Econômico do Distrito Federal (ZEE-DF), que foi apresentado, nesta terça-feira (19), pela subsecretária de Planejamento Ambiental e Monitoramento da Secretaria do Meio Ambiente do DF, Maria Sílvia Rossi. O encontro aconteceu na sede Sinduscon-DF e contou com a Diretoria do sindicato, associados e representantes do setor. Inédito, o estudo é visto como instrumento fundamental para o planejamento urbano da capital, pois visa tanto fortalecer o desenvolvimento econômico do DF, quanto minimizar os impactos ambientais causados pelas construções.

 

A palestrante, que ressaltou a importância do diálogo com o setor e do trabalho em conjunto, pontuou as quatro etapas do ZEE-DF. São elas: a matriz ecológica, que administra a questão dos riscos ambientais, como perda de cerrado nativo, contaminação do solo entre outros; a matriz socioeconômica, que visa uma política pública que garanta emprego e renda para a população; as unidades de intervenção, como a disponibilidade hídrica; e ainda a identificação das zonas, subzonas e diretrizes. “O desenvolvimento sustentável congrega três eixos: o bem-estar humano, a capacidade de suporte e serviços ecossistêmicos e os custos para o Estado”, complementou a subsecretária.

 

Infraestrutura implantada, mobilidade e transporte, previsão de integração de modais, inclusive ferroviário, qualidade ambiental e o sistema de áreas verdes intraurbanas são apenas alguns dos assuntos que ainda estão em discussão no projeto. O presidente do Sinduscon-DF, Luiz Carlos Botelho Ferreira, reconheceu e agradeceu o estudo inédito realizado pela subsecretária Maria Silvia Rossi. “O ZEE-DF é o verdadeiro trabalho de ocupação de solo em termos de planejamento. É a base para uma boa organização urbana da cidade”, destacou.

 

O Sinduscon-DF colocou-se inteiramente à disposição para auxiliar a Secretaria do Meio Ambiente do DF no bom andamento deste projeto, que é fundamental para o desenvolvimento da construção civil. Compareceram ainda, representando o setor, o presidente da Fibra, Jamal Bittar; o presidente da Ademi-DF, Paulo Muniz; e o presidente da Asbraco, Afonso Assad.

Zoneamento Ecológico-Econômico do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

ZEE-DF